Notícia 30/08/2017

MS: Câmara cria comissão para acompanhar serviços da Santa Casa

Comissão Especial terá prazo de 180 dias, prorrogável por igual período para vistoriar execução do contrato de prestação de serviço do maior hospital de MS. 
A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campo Grande criou a Comissão Temporária Especial para acompanhamento da execução do contrato de prestação de serviços e assistência firmado com a Associação Beneficente Santa Casa. A resolução foi publicada no Diário Oficial desta terça-feira (29). 
Segundo a publicação, a comissão terá o prazo de 180 dias, prorrogáveis por igual período a partir de hoje, para a apresentação do relatório conclusivo. 
O presidente da Comissão Permanente de Saúde, vereador Dr. Loester (PMDB), disse que votou contra a criação, porque a associação é uma instituição privada e o recurso do Sistema Único de Saúde (SUS) que recebe é pelo serviço prestado. O peemedebista afirmou ainda que não vai participar da comissão especial. 
O G1 entrou em contato com o presidente João Rocha (PSDB) para saber sobre a composição da comissão especial e o cronograma de atividades, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. 
No início do mês de agosto, a Santa Casa fechou os portões das ambulâncias por causa da superlotação do setor de urgência e emergência, Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e setor cirúrgico. 
Além disso, os médicos ameaçavam paralisar por atraso no salário. Cerca de 60% dos funcionários do administrativo e da enfermagem aderiram à greve por questões salariais. O Ministério Público do Trabalho (MPT) chegou a pedir o bloqueio dos bens do hospital para regularizar o atraso salarial. 

Fonte: (Juliene Katayama - G1)

Total de visita(s): 139